Origem do Perfume – como, onde e quando tudo começou

By | 10/07/2018
origem do perfume

Origem do perfume

Origem do perfume deu-se no Egito Antigo, onde os faraós e membros da corte o utilizavam para se aproximarem dos deuses, que eram invocados por meio de rituais em que usavam incensos e iguarias aromáticas, que deveriam levar mensagens por meio da fumaça produzida.

 

Origem do perfume e sua importância no passado

O perfume era tão importante para a sociedade egípcia que até mesmo os mortos tinham que ser embalsamados com os melhores perfumes. Isso para que fossem bem recebidos do outro lado da vida.

Como os egípcios eram politeístas, acreditavam que a vida terrena era apenas uma passagem, e que ao morrer as pessoas iam para um outro plano continuar sua jornada.

Desta maneira, a passagem deveria ser feita com honras e glórias, dentre elas um aroma inesquecível.

A importância do perfume era tanta que a primeira greve da humanidade de que se têm notícias se deu na corte egípcia, quando houve falta de unguentos para a preparação dos perfumes.

O primeiro estudo acerca da produção do perfume foi desenvolvido pelo árabe Al-Kindi, cujo título era Livro da Química de Perfumes e Destilados.

Nesta obra Al-Kindi listou centenas de receitas de óleos e perfumes, além de detalhar 107 métodos e receitas para a perfumaria.

 

Destilação – Extração do óleo de flores

Dando continuidade a história da origem do perfume e a evolução da arte da perfumaria… Os persas Muslim e Avicenna, o primeiro médico e o segundo químico, desenvolveram o método de extração de óleos de flores por meio da destilação. O mesmo processo que é utilizado na indústria da perfumaria até os dias de hoje.

Seus primeiros experimentos foram feitos com rosas. Das rosas extraíam o óleo ou leite de rosas. Um produto muito utilizado ainda hoje para perfumar e limpar a pele das impurezas.

Em 800 a.C. a perfumaria tomou conta da Grécia. Esta, logo se especializou na exportação de plantas e flores maceradas para a produção de perfumes.

Em seguida, a febre das fragrâncias chegou à Babilônia, berço dos feitos de Alexandre O Grande.

Após a tomada dos persas, a Babilônia se tornou um grande centro comercial de perfumes e especiarias. Na época, chegava a comercializar mais de 750 toneladas de matéria prima para a produção de perfumes.

Ainda na Babilônia, continuando a história da origem do perfume, foi registrado o primeiro tratado sobre cheiros. O autor do tratado foi Teofrasto, professor de Alexandre O Grande.

Nesta obra Teofrasto descreveu diversas peculiaridades sobre a produção de perfumes. Entre elas, o fato de que os perfumes devem ser guardados sob proteção da luz e do calor. Considerando que estes elementos alteram o seu odor. Essa lição é aprendida até hoje.

 

Maior consumidor da era antiga

Roma foi o principal consumidor de perfumes e especiarias aromáticas, tendo sido a capital mundial do banho.

Devido a suas rotas comerciais para a Arábia, Índia e China, Roma tinha contato com as mais diversas culturas e usos dos perfumes e óleos. Era usado principalmente durante o banho como tratamento terapêutico e aromático.

Durante a Idade Média o desenvolvimento da perfumaria ficou relegado aos mosteiros, onde os conhecimentos sobre a terapêutica e a farmácia foram melhor trabalhados.

Já na Renascença, o perfume retomou seu ilustre lugar, tornando-se de vez uma especiaria mundial.

Foi na Renascença que a Officina Profumo de Santa Maria Novella foi fundada. A Oficina concedeu à Catarina de Médicis o privilégio de usar os melhores perfumes fabricados na época. Seu perfumista pessoal, René Blanc.  Com isso, René inaugurou a primeira boutique de perfumes em Paris. Período em que  Catarina casou-se com Henrique III.

Próximo à aristocracia francesa, René Blanc conquistou sua reputação. Desde então a França tomou a frente na indústria da perfumaria, posição que ocupa até agora.

A cidade de Grasse foi o expoente da produção perfumista na França, tornando-se referência mundial.

A partir de então, a especialização da perfumaria vem se consolidando década após década. Hoje é uma das indústrias mais bem sucedidas do mundo.

Compartilhar é se importar com quem você gosta. Mostre para uma pessoa que você gosta que se importa com ela. Compartilhe esse conteúdo no botão abaixo do vídeo!

Origem do Perfume