Processos de produção do perfume – Descubra Aqui!

By | 12/07/2018
Produção do perfume

Produção do Perfume

 

Os processos de produção do perfume é conhecido por poucos. A grande maioria das pessoas usam, mas não fazem ideia de onde vêm as fragrâncias doces, almiscaradas, cítricas ou amadeiradas… Mesmo sendo um item indispensável para a maioria das pessoas.

O perfume é muito mais do que um luxo, ele reflete diretamente nossa personalidade, nossa essência e nossas intenções. Um perfume pode dizer muito sobre o que se está pretendendo, seja no dia a dia ou num evento especial.

 

Processos de produção do perfume

Não é um grande segredo o processos de produção do perfumes, na verdade é bastante simples se comparado a outras indústrias do mesmo ramo. Ele se inicia na coleta da matéria prima para a descoberta da fragrância.

A matéria prima pode vir de flores, frutas, folhas, ervas, musgos e cascas de árvores, entre outros.

A partir da coleta da matéria prima, é estabelecido o tipo de processo pelo qual ela vai passar. Estes processos podem ser destilação, absorção ou extração.

Processos de produção do perfume

Processos de produção do perfume

 

Tipos de extração

1 – A destilação é o processo mais antigo de produção de perfumes. Ele remonta aos anos 2000 a.C., onde os persas Muslim e Avicenna, médico e químico, respectivamente, o desenvolveram. A destilação consiste em submeter a matéria prima a um intenso calor, que provoque a evaporação dos componentes que constituirão o perfume. Estes componentes são coletados por um tubo de vidro até que se resfriem. A este composto são adicionadas determinadas quantidades de álcool e água para formar o perfume.

2 – O segundo processo possível para se produzir perfume é a absorção. Este processo é aplicada às matérias primas que não resistem ao processo de destilação. Na absorção a matéria prima é impregnada de óleos e gorduras aquecidos e posteriormente filtrada através de um tecido. A parte sólida que resta é lavada com álcool, o qual adquire o aroma desejado.

3 – Por fim, é possível ainda combinar a matéria prima do perfume com solventes voláteis, os quais extraem os óleos essenciais e dissolvem a matéria prima, transformando-a numa espécie de pasta perfumada. A esta pasta são adicionados álcool e água para que se transforme em perfume.

# Leia Também A Origem do Perfume e Descubra como tudo começou

Conclusão

Após o processo de formação das fragrâncias, um perfumista faz as combinações de aromas para criar o perfume, constituindo as notas do perfume. Com a combinação aprovada, é possível iniciar o processo de industrialização, ou seja, fabricação em massa.

Mas você deve estar se perguntando de onde vem tanta matéria prima assim, não é mesmo? Fique tranquilo, a natureza não é devastada para que possamos usar dois ou três perfumes diferentes diariamente.

A partir da aprovação da combinação das fragrâncias, é possível replicar o aroma do perfume em laboratório, criando essências sintéticas. É a partir das essências sintéticas que a indústria de perfumes fabrica seus produtos em larga escala.

Gosta desse assunto? Reserve um tempo para assistir o filme abaixo. Você vai adorar!!!

Compartilhar é se importar com quem você gosta. Mostre para uma pessoa que você gosta que se importa com ela.
Compartilhe esse conteúdo no botão abaixo do vídeo!

Produção do Perfume